• Dra Alyne Gabrielly Borges Corrêa

Sintomas oculares relacionados ao Covid-19

Atualizado: Jul 19

Em meio ao avanço do novo coronavírus, cuidados com a higiene, isolamento social e atenção especial aos primeiros sintomas são importantes para garantir a segurança de todos.

O vírus é altamente transmissível através de aerossóis, via contato direto com pessoas infectadas ou indiretamente através de objetos contaminados.

A superfície ocular, bem como as vias aéreas e a mucosa oral, é uma porta de entrada para o vírus. Recomenda-se a higienização frequente das mãos, o uso de máscaras protetoras, e não tocar o rosto, especialmente olhos, nariz e boca, para evitar a contaminação. Cuidadores e profissionais da saúde devem usar equipamentos de proteção individual (EPI) adequados, inclusive com proteção ocular, durante o cuidado de pacientes com o vírus.

Alguns pacientes testados positivo para Covid-19 apresentaram conjuntivite leve, com sintomas como hiperemia ocular (olhos vermelhos), lacrimejamento, irritação ocular e/ou secreção leve.

Os sintomas de conjuntivite podem estar associados ou não a outros sintomas de Covid-19 (como febre, coriza, dores musculares, perda do paladar ou olfato, tosse seca, cansaço, dor de garganta, dor de cabeça, diarreia e falta de ar). Para alguns infectados a conjuntivite pode ser o primeiro sintoma ou até mesmo o único sintoma.

Conhecer e estar atento aos possíveis sinais da doença é essencial para a tomada de medidas preventivas e evitar a propagação da doença.

Caso apresente sintomas, é necessário ficar em isolamento domiciliar, utilizar máscara o tempo todo, permanecer em cômodo privativo, bem ventilado, mantendo distância dos demais familiares, além de evitar o compartilhamento de utensílios domésticos. Atentar-se para a importância da higienização das mãos, e dessa forma evitar a contaminação dos outros membros da família.

O isolamento deve ser mantido enquanto houver sinais e sintomas clínicos. Casos de Coronavírus suspeitos, que forem descartados laboratorialmente, independentemente dos sintomas, podem ser retirados do isolamento.

Se você está apresentando qualquer sintoma oftalmológico, entre em contato com o seu oftalmologista que poderá orientá-lo sobre a necessidade ou não de uma consulta presencial, conforme os sintomas apresentados, e sobre o tratamento e cuidados específicos.

Sintomas graves como falta de ar, dor ou "pressão" no peito, deve-se procurar atendimento médico imediato.





23 visualizações

(11) 32624470

(11) 95607-3783

©2019 by Eyefocus Oftalmologia. Proudly created with Wix.com